Lilypie Kids Birthday tickers

terça-feira, fevereiro 03, 2009

Acidente...

O felino lá de casa, tem andado com um problema debaixo da língua e ontem fomos (eu e o Tiago) ao veterinário ver o que podia estar na base do problema. Tendo em conta que a fera é muito anti-social e no ambiente da clínica veterinária bem pior, optei por passar lá primeiro para falar com o veterinário e levar um tranquilizante para lhe dar, caso contrário, com toda a certeza o médico não veria nada e ficaria cheio de arranhões (como da última vez).
Ora, o Sr. Dr. dos cães e dos gatos (como diz o Tiago) entendeu que poderia ser um problema de estômago, ou então derivado da doença crónica que tem (granuloma eosinofílico) que lhe permite ter uma vidinha normal, mas de vez em quando lhe traz alguns problemas, facilmente tratáveis…
Disse para fazer o tratamento habitual com Megecat, mas receitou-lhe Ulcermin para forrar o estômago e atacar a hipótese do problema no estômago. Se daí a 2/3 dias o problema continuasse deveria voltar e levar o Bias (dopado, claro!!! lol).
Assim fiz, fui á farmácia comprar o dito Ulcermin e lá fomos nós para casa. Ele, muito senhor de si com o remédio no colo, não descansou enquanto não tirou as saquetas de dentro da caixa. Antes de ir para casa, fui comprar pão e deixei-o no carro enquanto lá fui. Quando cheguei fiquei passada, estava o Sr. Tiago com uma saqueta na boca a beber o liquido. Bem… imediatamente fui buscar o folheto do medicamento e verifiquei que não era aconselhado o uso pediátrico. Dirigi-me logo para casa (a 2 minutos dali). Dada a pouca quantidade que ele ingeriu sempre pensei que não fosse grave, dei-lhe logo 1 copo de leite e por descargo de consciência liguei para a o nº de apoio que costuma vir nos folhetos. O Sr. descansou-me e disse que a quantidade que foi ingerida não era preocupante e não era tóxica. E aí respirei totalmente de alívio.

É incrível como eles as fazem em segundos (é certo que também facilitei ao deixar que ele ficasse com o saco da farmácia)… por mais vezes que lhe tivesse dito que não se pode mexer em medicamentos porque fazem dói-dói grandes, a curiosidade é mais forte e os acidentes acontecem…

Fica o chamado abre-olhos… e o susto!!!

4 comentários:

Luazinha disse...

Oh pá ele só queria provar para ver se era bom e depois passar ao gatito!!
Fora de brincadeiras...temos de estar sempre alerta com isso...infelizmente eles cegam-nos por vezes!! Mas tá tudo bem e isso é que interessa!!
Kiss

Filipa disse...

Ui... podia ter sido grave... se era outra coisa...
Todo o cuidado é pouco!!!

Dreamer disse...

Ai o menino queria provar o medicamento???Sacanjnha. Todo o cuidado é pouco mesmo. Bolas... imagino o susto!

Sónia disse...

Ai estes miudos!!!!

Realmente!!!!!